TDAH - O amor e a dor superlativos - uma breve visão pelas constelações familiares

Escrevo este post não pela percepção de uma médica, pedagoga ou mesmo psicóloga, e sim como UMA TDAH - portadora do transtorno de déficit de atenção e hiperatividade - uma nomenclatura recente para uma história antiga. Muito cedo minha mãe percebeu minha acentuada distração e agitação, seguiu sua intuição e me colocou nas aulas de pintura - sequer sabia assinar meu nome - mas já compreendia a fusão de cores e pontos de fuga ( talvez porque meu universo psíquico estivesse lotado por eles, rsrs), e nas aulas de ballet , onde a engenhosidade francesa dos passos e compassos me faziam descer do balão inflável que passava a maior parte do meu dia. Sempre soube - E TODO TDAH- também o sabe, que

Eu não quero constelar em grupo!

Essa é uma frase recorrente nos atendimentos de Constelação. Talvez pelo temor de se ver exposto num grupo de pessoas desconhecidas, talvez pela possibilidade de que temas íntimos sejam conhecidos por esse mesmo grupo. Sempre digo no início de um grupo de constelação,: "É preciso ter coragem para estar aqui." E só. Pois os movimentos que se sucedem, a respiração, as emoções, os sentimentos que se expressam no campo constelado, nos tomam como testemunhas de algo que se manifesta a partir de um outro plano. Uma outra consciência. Os representantes trazem, seja no olhar, na tensão das mãos, na expressão dos olhos, a manifestação de algo que é essencial . Essencial ao tema que a pessoa constelad

Da paixão a Páscoa: O caminho necessário.

Jesus Cristo vivencia as maiores feridas emocionais do ser humano durante a Semana Santa. Nos dias que se sucedem desta semana, Jesus experimenta, a rejeição, o abandono, a humilhação, a traição e a injustiça. Ele se vê sozinho, incompreendido, atraído pela força de sucção de um destino indelegável. Somos também, muitas vezes, atraídos para um destino, ao qual nunca desejaríamos experienciar. Contudo, o que difere o caminhar de Jesus na fatídica semana, do nosso caminhar frente a um destino inesperado? A Consciência da experiência necessária. Jesus sabe de seu destino, ele nasce com este desígnio. Tal como os grãos de trigo que precisam necessariamente receber a moagem pra se transformar

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

© 2023 por Nome do Site. Orgulhosamente criado com Wix.com

  • Pinterest ícone social
  • Facebook Social Icon
  • Google+ Social Icon